PODCAST

“VAI DAR MOLHO” | Ep.1 – O Mistério da Casa-de-Banho

7 Setembro, 2018

 

As gargantas ainda se estão a afinar. O ritmo ainda está a ser marcado. E as piadas, prometemos, ainda vão ser melhoradas. MAS, há sempre um número um, um piloto, um começo, por isso tenham paciência connosco que a coisa vai aquecer no “VAI DAR MOLHO”. E se vai 🙂
No episódio de hoje, Marta e João, discutem o grande MISTÉRIO DA CASA-DE-BANHO.
(Introduzir música de terror)
Vamos todos fazer uma pausa.
(Suspiros vários)
Este deve ser um dos TOP 5 da listagem das “Grandes-Questões-da-Vida” de um casal.
A par do “qual será o nome do nosso primogénito” e “quem se sente ao lado da prima Margarida na mesa do copo-de-água”, a questão da gestão da casa-de-banho num lar partilhado entre dois contribuintes é e pode bem ser (acreditem que é!) um flagelo para a perpetuação do amor entre quatro paredes.
Aliás, não é à toa que existem muitos artigos sobre o “Segredo de uma Relação Duradoura” onde a partilha da casa-de-banho figura como um aspecto central na manutenção de um casamento. Não é para brincadeiras pessoal.
À parte das problemáticas relacionadas com o “tampo sanita”, com a “porta aberta ou fechada”, com o “assumir o nº2”, com “a pasta de dentes aberta e espremida no meio”, “o stock de papel-higiénico”, “o drama da toalha molhada no chão ou em cima da cama”, ou “dos boxers à porta da casa-de-banho” (como vêem temos aqui programas até 2025) o tempo que hoje um homem passa dentro da casa-de-banho começou a ser tema de discussão, mas também, de algum mistério.
O que é que tanto eles fazem lá dentro!??!?
Porém, o João também questionou porque é que nós mulheres temos a fama, e digo fama porque sinto que a tendência está a alterar-se, de demorarmos eternidades nos lavabos.
Segundo ele, quer seja para irmos à farmácia, ao supermercado ou ao lançamento de uma marca super badalada o tempo que demoramos na casa-de-banho atinge níveis não justificáveis. Claro que em defesa do universo feminino expliquei pormenorizadamente que existem vários tipos de banhos, vários tipos de lavagens e vários tipos de acabamentos. Confuso? Depois de ouvirem o podcast já não vai ser. A complexidade extraordinária das mulheres na casa-de-banho não se esgota numa ideia feita e perpetuada para nos denegrir enquanto seres que gostam de “se cuidar” e que têm preceitos específicos consoante a ocasião. Não! Vai além disso! Nada é ao acaso 🙂
Melhor que qualquer explicação o episódio piloto de hoje fala por si… IRRELEVANTE! Ai, espera, não é nada disto!
Oiçam-no e diga-nos o que acham.
Mais do que nunca precisamos de vocês para nos darem o vosso feedback mas, acima de tudo, para nos ajudarem nos próximos episódios.
Partilhem. Comentem e não se esqueçam de nos seguir nas plataformas onde podem ouvir o nosso PODCAST-do-coração.
Casais deste país soltem o que há dentro de vocês e ajudem-nos a abrir a discussão sobre estes temas que nos massacram lá em casa.
Contem-nos TUDO! O que vos desassossega, o que vos irrita, o que vos provoca estranheza, tudo o que querem saber sobre este admirável mundo das relações amorosas.
Estamos em todó’ládo! Assim não há desculpas para não recebem sempre todas as nossas novidades e os episódios todas as semanas. Stay tunned e apoiem aí a malta!
PARTIU! É só carregar no play!!
0

Leave a comment

About