culture, inspirations, life&love

FAREWELL 2015 | Como fazer a WishList de 2016 e realmente CONCRETIZÁ-LA!!!

29 Dezembro, 2015

Quantas e quantas vezes não paralisámos a minutos, segundos, da meia-noite de 31 de Dezembro sem saber o que pedir a 12 uvas murchas? Eu sei que já me aconteceu!

Às vezes armamo-nos em pessoas crescidas, evoluídas, e pensamos com antecedência naquilo que queremos pedir, na nossa lista de desejos, mas e depois? Depois o relambório de pedidos e aspirações sai de um fôlego à meia-noite, no dia 3 de Janeiro ainda estamos convictos de que vamos concretizar, pelo menos 90% da lista, e a 20 de Fevereiro já desistimos de tudo e nem sabemos o que estava na 7ª posição da nossa lista. Certo? Certoooooooooooooo!!!

Ora bem, tem que haver alguma maneira de contrariarmos isto, de darmos mais significado e praticidade a esta inerte lista de desejos, assim pela força dos nervos, algo que nos ajude a concretizá-la. Uuuuuuuuuhhhh! Loucura!

Aqui fica mais uma listinha para nos ajudar a arrasar nas concretizações em 2016. Estamos a jogar feio, minha gente. Estamos a colocar a carne toda no assador! Alguma coisa vai ter que dar certo!!!
Bora lá!


1. Escrevam os vossos desejos

Vocês podem ter apenas um desejo ou vários para o próximo ano, independentemente do número de pedidos, tirem essas ideias do campo fragmentado da imaginação e escrevam-nas. Este pequeno gesto permite-nos não só fisicamente ver os desejos que temos, mas efectivamente a concretizá-los. Se eles estiverem lá é porque existem, se existem é porque é possível concretizá-los. Não é só poder da mente, é realidade.

2. Foquem-se num desejo/objectivo de cada vez

O truque aqui é, de cada vez que olharem para a vossa lista e pensarem em concretizar tudo de uma só vez, tirem a capa de supermulher e FOCUS! Concentrem-se num objectivo de cada vez. Comecem com um desejo mais “fácil” ou melhor, não tão desafiante para conseguirem aquela motivaçãozinha extra e, a partir dai, vão complexificando a vossa acção. Por isso, agora que já têm a vossa lista de desejos, agrupem-na por ordem da mais fácil para a mais desafiante.

3. Criem uma Timeline, uma cronologia. 

Agora que já temos a nossa lista de desejos organizada é necessário criar uma cronologia para nos ajudar a balizar quanto tempo necessitamos ou queremos designar para cada objectivo. Façam esta cronologia o mais detalhada possível. Depois é só reservar uma parte do nosso dia, de acordo com a cronologia definida, para a concretização desse ou desses objectivos. Este pequeno passo vai fazer com que não se sintam assoberbados com tantos desejos para concretizar, estabelece uma ordem, um tempo para os fazer, retirando peso ao bolo-total de desejos.


4. Agarrem-se e Concretizem este plano

Parece óbvio, mas é a parte mais importante e difícil deste processo. É aqui que a maior parte de nós abandona o processo a meio por falta de tempo, motivação, inspiração, etc. Por isso, agarrem-se a este plano com unhas e dentes, não se esqueçam dele, não o negligenciem, e concretizem-se. 

0

Leave a comment

About