culture, inspirations, life&love

New in Town | O Meu Sonho no Terraço

25 Março, 2015
Quem me conhece sabe. Qual é a minha viagem de sonho? Fácil, fácil – TAILÂNDIA.
Sim, eu sei, deve ser o sonho de muita gente. Super cliché, mas depois de já ter riscado da minha bucket-list alguns lugares do mapa-mundo sobra-me este lugar mágico que é assim… a minha obsessão. Tenho imensa curiosidade em descobrir o país que nem é assim tão grande, mas tal como nós, consegue juntar tamanha diversidade para nos entretermos a descobri-la por um ano inteiro.
Contudo, todavia, portanto ainda não consegui, por falta de tempo (fazer gesto de money, money, money), ir até lá, descobrir a Tailândia exactamente como eu a imaginei. Percorrer o trânsito caótico de Banquecoque, ir ao mercado flutuante. visitar todos os templos, fazer a rota dos elefantes, tratar de um tigre e abraçá-lo ao vivo (assim a minha maior perdição do mundoooo), fazer um périplo por todas as praias que tenham um ar paradisíaco, areia fina e branca que encandeia, e perder-me na cozinha tailandesa que, segundo me disseram, é de comer e chorar por mais. Enquanto não faço uns part-times e vendo uns órgãos lá vou sonhando acordada, porque ir lá… só para o ano…talvez… buáaaaaaaaaaa.
Por isso é que delirei quando vi esta notícia, que literalmente dá vida à expressão “se Maomé não vai à montanha, então a montanha vem a Maomé”. Assim, pela força dos nervos, eu sou Maomé e a Tailândia é a montanha, ok?! Que fique bem claro! É que vai haver um mega festival Tailandês que culmina com um imperdível jantar super típico no terraço do Tivoli Lisboa?! Say what?!??! EXACTO!
Apontem já nas vossas agendas. Domingo vamos à Tailândia. Wwwwwwwwwoooooooo! E nem preciso de entrar num avião! Wooooooooooooooo!!! Aliás, neste caso é a Tailândia que vem até nós. Porquê? Porque a Escola Superior de Artes Dramáticas da Tailândia vai fazer um espectáculo no Museu do Oriente nos dias 27 e 28 de Março. Entre danças clássicas seculares e folclore regional, o espectáculo apresenta a “mais genuína tradição performativa” da Tailândia num total de dez actuações que inclui exemplos de Khon, dança clássica dramática com máscaras cujas origens têm mais de cinco séculos.
Sob a direcção de Surat Jongda, do Bunditpatanasilpa Institute, serão interpretadas Dança dos Reinos Ancestrais, Khon: Campanha do Rei Rama Contra Tossakan, O Sacrifício de Manohra, Dança dos Tambores Longons, Khon: Hanuman e Suphannamatcha, Dança animada de Isan, Dança de Tambralinga, Dança de Kepatrenang, Marioneta Humana e a Dança de Amizade Luso-Tailandesa.
Nesta senda, o restaurante Terraço, do Hotel Tivoli Lisboa, em parceria com a Embaixada da Tailândia, vai dar um jantar ÚNICO! Ora salivem: à mesa vamos poder contar com uma ementa recheada de produtos típicos tailandeses, preparada a quatro mãos pela Chef Oficial da Embaixada da Tailândia, Sureerat Chansri, e pelo Chef Miguel Silva do restaurante Terraço. E para dar outra cor e ritmo a esta noite são esperadas actuações da Escola Superior de Artes Dramáticas da Tailândia. Vamos carimbar este jantar no nosso passaporte?!

Só mais uma dica: reservem com antecedência, porque os lugares vão voar que nem lanternas tailandesas. Podem tratar de tudo aqui
0

Leave a comment

About